Tudo sobre a gravidez
Quarta-feira, 12 de Março de 2008

2.ª Gravidez:Semana 36

pregnancy cartoon

[No advogado]

Desenvolvimento Fetal:

A contagem decrescente continua... e relativamente ao desenvolvimento fetal: a maioria dos ossos do seu pequeno corpo estão agora completamente duros, dando uma estrutura sólida que lhe permite nascer para o mundo. Sim, senhoras e senhores, estamos estruturalmente preparados para um lançamento seguro. Notícias da forma física: o seu tónus muscular tem melhorado nestas últimas semanas e ficarás impressionada pelo seu reflexo de agarrar (se deixares o teu dedo na palma da sua mão). Relativamente ao desenvolvimento genital: se vais ter uma menina, os grandes lábios já estão formados.

Relativamente aos fluidos: o líquido amniótico decresceu nestas últimas semanas, apesar do bébé continuar a engolir líquido (juntando cada vez mais mecónio para o seu primeiro cócó) e alguma vernix caseosa. Ele estará mais do que preparado para engolir e digerir leite após o nascimento. 

 [Textos traduzidos e adaptados do site pregnancy.baby-gaga.com]

Sintomas:

Se ainda não o fizeste, necessitarás de pôr a tua casa "à-prova-de-bébé". Sabemos que não tens muita energia agora, mas esperar até que o bébé comece a gatinhar não é a melhor estratégia. Arranja os fechos dos armários e as persianas. Esconde todos os químicos, detergentes e aerosóis, visto que os recém-nascidos são muito sensíveis e podem ficar com alergia ou irritação. Pensar em remover todos estes produtos pode ser esmagador, por isso começa aos poucos. Usa vinagre para limpar  e se estás a planear em pintar o quarto do bébé, tenta manter-te afastada. Pensa também em comprar lençóis e almofadas orgânicas de algodão ou aprovadas pelo dermatologista para o berço. É aborrecido pensar em tudo isso agora, mas acredita: logo que o teu filho esteja cá fora, vais ter muito menos tempo para pensar em tudo isto.

[Textos traduzidos e adaptados do site pregnancy.baby-gaga.com]

 

Blog da Jornalista Sarcástica: "Já chegámos?"

«Se prestaste atenção a alguns livros de gravidez, com certeza que leste que a maioria dos bébés nascem entre as 36 e as 41 semanas.

Juro, parece-me que todas as mulheres, especialmente mães pela primeira vez, pensam que o bébé vai nascer às 36 semanas. Um palpite: provavelmente não.

Eu sei, eu sei. Sou uma pessoa malévola. Como posso eu dizer que o teu bébé não vai nascer hoje? Sabes que tens pensado nisso.

Espera, o que é essa dor, é o parto? Oh, talvez seja o parto? Será o parto? Não.

Eu sei que é difícil de ouvir, mas quanto mais cedo aprenderes a aceitar a cruel verdade de que partos rápidos só acontecem às outras, mais cedo irás continuar com o resto da gravidez.

Preocupar-se com o facto de ser ou não hoje o dia não irá fazer com que o bébé saia mais depressa. Acredita, já tentei.

Olhas-te ao espelho e pensas como é que podes ficar maior. Não há espaço para o bébé! Tu SABES que tens de entrar em trabalho de parto mais cedo. Infelizmente, o teu corpo tem outros planos. Planos de manter o bébé para sempre!

Pensa assim: Preferes que o bébé fique mais tempo agora, quando é um feto, ou que fique em casa depois da universidade até aos 30? Pelo menos agora, se o bébé está na tua barriga, as pessoas irão sentir pena de ti e dar-te-ão gelados e bolos. Quando o miúdo regressar da universidade? As pessoas andarão a falar nas tuas costas.

Ficar grávida mais algumas semanas vale a pena.» 

 

[Textos traduzidos e adaptados do site pregnancy.baby-gaga.com]

  


As minhas impressões...

 

 

[12-03-2008] - Mais análises...

Esta semana tenho de fazer mais análises. Mais uma manhã inteira para fazer a análise da diabetes e restantes.

Tenho andado com uma vontade louca de comer doces e tudo o que tenha açúcar, por isso espero que todas as análises estejam normais.

Com esta mania de comer guloseimas o meu rabo aumentou desmesuradamente e tão cedo não vou à praia por vergonha! Sinto-me a transbordar por todos os lados. Não me consigo mexer para lado nenhum. Pelo menos as dores de costas já não são tão más.

Psicologicamente, ando um pouco em baixo. Nada relacionado directamente com a gravidez, penso que é tudo hormonal!

[13-03-2008] - Visita ao hospital

Hoje visitei a maternidade de um hospital´público. Não sei muito bem para onde vou, visto que a minha médica não trabalha para nenhum hospital público, só privados. Quando acontecer, onde estiver mais perto, é para onde vou. De qualquer modo senti curiosidade em visitar uma maternidade e lá fui.

Como já passei por um aborto e tive que ser submetida a uma dilatação e curetagem, já fiquei a conhecer o piso da maternidade de um hospital privado. Correu tudo muito bem, mas não quis voltar lá devido à má recordação.

Hoje lá fui visitar o hospital público: fiquei impressionada pela positiva e adorei as instalações e todo o pessoal.

Agora todos os dias acordo a pensar 'Será hoje que vou sentir algumas contracções?'.

[14-03-2008] - O parto

Agora ando numa fase em que: quero que o parto aconteça, porque todos os dias acordo a rebentar pelas costuras de tão inchada - mãos, cara, pernas, pés -; não me consigo mexer (calçar meias ou sapatos é uma aventura digna de uma comédia); sinto-me gorda, enooorrrmmmeeee e estou ansiosa por frequentar as minhas aulas de grupo de localizada.

Por outro lado, quero que o parto aconteça o mais tarde possível, com medo das dores e de tudo!

Com o curso de preparação para o parto perdi muitos dos receios que tinha, mas como sou eu que vou viver tudo, não sei como irei reagir. Logo se verá!

[17-03-2008] - Arrumar assuntos

Tenho ainda imensos assuntos para arrumar quer profissional, quer pessoalmente. No entanto, já estou numa fase em que não me preocupo tanto. Tem mesmo de ser. Aliás, lá no trabalho está tudo muito mais calmo e o verdadeiro trabalho vai começar quando estiver de licença de maternidade.

Mentalmente, estou a começar a encontrar disponibilidade para mim própria e para o bébé.

Agora ando sempre atenta a todos os sinais de parto. Nos últimos dias tenho sentido contracções durante alguns minutos. São bastante seguidas, mas não se prolongam muito. Só as vou levar a sério quando durarem pelo menos uma hora ou mais. Ou se a bolsa das águas rebentar, claro!

O meu instinto diz que este pequenote é muito dorminhoco e quer ficar aqui na minha barriga o mais possível! Logo se verá!

De qualquer modo tenho consulta marcada para o final do mês onde a médica me vai fazer o 'toque' pela primeira vez, ou seja, avaliar se o colo do útero já começou a amadurecer e a preparar-se para o parto.

[18-03-2008] - Contagem decrescente: faltam 23 dias!

Falta menos de um mês (AI!) para o parto. Convence-te: ele tem MESMO de sair cá para fora. Der por onde der!

Vinte e três dias.... Estou estupefacta!

publicado por xana às 00:27
Link | comentar | favorito
|
1 comentário:
De Tânia a 13 de Março de 2008 às 16:07
Olá novamente.

Esta recta final é um pouco complicada. Todos os dias pensamos "É hoje! De hoje não passa!" E quando o dia chega ao fim... e nada... ficamos um pouco mais pesadas.

Mas animo!! Tem que aproveitar este verdadeiro "estado de graça". Como a gravidez tem corrido sempre bem, vai ver que vai ter saudades da sua barriga. Da nossa companhia diária e da única altura da vida em que eles são verdadeiramente "só nossos".

Força!! E obrigada por partilhar este momento fantástico com todas.

Comentar post

O renovado Babyblues

Após vários meses de inactividade o Babyblues foi reestruturado. Sei que muitas pessoas gostam do blog e não quis desistir dele, no entanto como faço o blog num regime de voluntariado, houve um período de tempo de pouca disponibilidade para o actualizar. Agora renasceu aqui: http://baby-blues.blogs.sapo.pt/

Torna-te fã!



Pesquisar

 

pessoas leram este blog