Tudo sobre a gravidez
Quarta-feira, 6 de Fevereiro de 2008

Semana 31

Regressar

pregnancy cartoon

 

Desenvolvimento Fetal:

O teu bébé está mais próximo do seu peso e altura que terá por altura do nascimento. Com cada camada de gordura, a pele do teu bébé começa a ter uma aparência mais normal. Notícias pesadas: o teu bébé vai continuar a pesar mais todas as semanas. Era mesmo isso que precisavas. Mais peso para carregar!

O seu sistema imunitário fortaleceu-se nestas últimas semanas. Obviamente, que o seu sistema imunitário será mais fortalecido através da amamentação e à exposição ao exterior. Os seus ossos estão flexíveis para permitir a sua passagem pelo canal vaginal.

 

Sintomas:

Já sentiste algo que suspeites serem contracções? As contracções de Braxton-Hicks fazem parte deste terceiro trimestre. Chamadas de "contracções falsas de parto", estes espasmos não devem ser confundidos com um parto prematuro. Estas contracções não são dolorosas. Se sentires contracções mais do que quatro vezes numa hora ou alterações no muco vaginal, contacta o teu médico imediatamente.

Neste terceiro trimestre pode ocorrer uma expulsão prévia de leite até ao dia do parto. Compra uma embalagem de discos para os mamilos para proteger as tuas roupas e salvar alguma da dignidade que te resta.

Visto que o bébé vai crescer cada vez mais, apenas tens que te sentar, relaxar e aguentar a azia e as dores das costas. Para melhorar a azia podes comer menos em cada refeição e podes optar por fazer refeições mais pequenas, mas mais frequentes. Quanto às tuas costas, levanta os pés e eleva-os acima do coração, verifica uma vez mais a lista de nomes e quantos itens te falta comprar para a mala da maternidade.

 

Blog da Jornalista Sarcástica: "É o meu parto e choro se quiser"

«Algures no Grande Esquema de Todas as Coisas Relacionadas com a Vagina, uma pessoa aparece com a ideia de um "Plano do Parto".

Para aquelas de vós que não fazem a mínima ideia do que estou a falar (presumindo que se mantêm afastadas dos foruns da internet, como vos disse!) um plano do parto é basicamente auto-definido. É um plano que explica como queres dar à luz.

Os nascimentos dos meus dois filhos não poderiam ter sido mais diferentes. Quando a minha filha nasceu em Julho de 2004, sofri durante uma gravidez longa e stressante. O meu plano era: ter um bébé com o mínimo de dor possível. De facto, se pudesse ter o bébé enquanto dormia, seria excelente.

Não fiz nenhuma pesquisa relativamente ao parto. Porque o faria? Queria uma epidural no primeiro segundo que senti o mínimo desconforto. Não é necessário dizer que quando comecei a ter contracções, passei-me completamente.

Com o meu segundo filho, tentei um planeamento mais avançado. Pesquisei na INternet, li livros e procurei nos fóruns onde as mulheres discutiam os prós e os contras de ter epidural. Aprendi sobre o tipo de medicamentos disponíveis. Ouvi CD's de Hipnonascimento e tentei consciencializar-me. Até fiz um Plano do Parto. Basicamente entrei numa de: quero fazer o que quero e ninguém me pode impedir!

Conheço muitas mulheres que ficaram um pouco ansiosas com o planeamento dos seus partos. Quiseram cópias impressas e distribuídas pelas enfermeiras do hospital. Massacraram os seus médicos durante os checkups sobre o que era ou não permitido.

Se é o teu primeiro filho: é bom ter desejos; é óptimo educares-te para o processo de nascimento e saber o que está ou não disponível. Mas quando um ser humano sai da tua 'vajayjay' as coisas podem-se tornar confusas. Talvez queiras anestesia. Talvez decidas que queres ficar de gatas e ladrar como um cão. Talvez decidas denunciar todos os homens pela sua capacidade de produzir esperma.

Quando estás de quatro, a ladrar como um cão, a expressão "Plano de Parto" será uma das últimas coisas em que irás pensar. Poderás ficar conhecida como a "Louca do quarto 203", mas pelo menos conseguiste fazer tudo aquilo que querias.»

[Textos traduzidos e adaptados do site pregnancy.baby-gaga.com]

 

As minhas impressões....

 

[06-02-2008] - Mala da maternidade

Já estamos em Fevereiro e o tempo começa a contar.

Tenho que começar a fazer a mala para a maternidade. Ainda não tenho nada!

Na última aula de preparação para o parto este foi o tópico e fiquei um pouco assustada porque não tenho nada preparado. Para o bébé verifiquei que tenho tudo, mas ainda nem lavei as roupinhas; para mim ainda tenho que comprar imensa coisa.

A única coisa da lista que tenho são os pensos higiénicos (especial noite), os chinelos e os meus próprios produtos de higiene pessoal.

 

[07-02-2008] - Berçários - a luta continua

Lá fui eu mais uma vez fazer mais umas inscrições nas listas de espera de mais dois berçários. Desta vez particulares. O mais acessível qualidade/preço foi 250.00€ mensais.

Todos os outros ultrapassam os 300.00€ mensais.

O bébé praticamente está a dormir o dia todo e paga-se um balúrdio para isso!

Quase que me apeteceia levá-lo para o trabalho. Pelo menos era eu que o via dormir!


[08-02-2008] - Pontapés do bébé

Novamente com a paranóia de que o bébé não mexe tantas vezes como deveria!...

Comecei a registar num papel todos os momentos do dia em que o sinto mexer para verificar se efectivamente sou eu que estou a exagerar ou não.

Tenho sentido uma diminuição gradual dos seus movimentos, ou seja, ele mexe durante o dia, mas mais espaçadamente, sei lá três vezes de manhã, outras três de tarde, quatro vezes à noite...

Será pela falta de espaço?

Tenho que colocar esta questão à minha médica na próxima consulta...

Afastar todos os macaquinhos do sotão para não stressar demasiado...

 

Regressar

publicado por xana às 00:38
Link | comentar | favorito
|
2 comentários:
De Tânia a 8 de Fevereiro de 2008 às 12:00
Acho este blog o máximo. Tenho um filho de 15 meses e já estou ansiosa para ter o 2º. É uma experiência fabulosa. Pelos vistos todas passamos pelo mesmo, a procura da creche, os primeiros movimentos e os soluços, o medo de engordar demasiado, a preparação da mala e aquele eterno temor de que o bebe não se mexe. Tudo ganha sentido quando os vemos e tocamos pela 1ª vez. Até tenho lágrimas nos olhos só de pensar nisto.
De cristina matos a 12 de Fevereiro de 2008 às 15:44
Olá,

Tenho acompanhado este blog desde o inicio da minha gravidez, porque temos um percurso muito parecido :-)! ! Podes tirar os macaquinhos do sótão, pelo menos foi o que a médica me disse na ultima consulta :-)! è mesmo pela falta de espaço. Continuação de boa gravidez. Tudo de bom
Cristina Matos

Comentar post

O renovado Babyblues

Após vários meses de inactividade o Babyblues foi reestruturado. Sei que muitas pessoas gostam do blog e não quis desistir dele, no entanto como faço o blog num regime de voluntariado, houve um período de tempo de pouca disponibilidade para o actualizar. Agora renasceu aqui: http://baby-blues.blogs.sapo.pt/

Torna-te fã!



Pesquisar

 

pessoas leram este blog